quinta-feira, 16 de março de 2017

O "bezerro de ouro" dos crentes

O "bezerro de ouro" de muitos crentes é a emoção: só acreditam que Deus está onde há barulho e um ambiente emocionalmente carregado. Parecem não crer num Deus que age no silêncio e de forma serena. Teriam crido se estivessem naquela caverna no lugar de Elias?...

Deus é amor, e amor não é um sentimento, é uma atitude, uma tomada de posição na existência. Uma espiritualidade baseada na emoção não se mantém porque as emoções passam. Entretanto, as atitudes (obras) permanecem. Fé, amor, paciência e humildade, por exemplo, não requerem qualquer emoção para serem praticados.

Isto não significa que Deus não está na alegria, na adoração fervorosa. Apenas cumpre observar que não devemos nos alimentar das emoções, e sim de toda palavra que sai da boca de Deus...